Resolução do PT: “deter a aventura golpista e defender a legalidade, exigindo que o Senado respeite a Constituição”.

O Diretório Nacional do Partido dos Trabalhadores, reunido em São Paulo, nesta terça-feira (19), aprovou uma nova Resolução Política em que avalia a abertura do processo de impeachment da presidenta Dilma Rousseff como golpe contra a Constituição. Além disso, o documento reforça a necessidade de uma reforma política e da democratização dos meios de comunicação. “O Partido dos… Leia mais Resolução do PT: “deter a aventura golpista e defender a legalidade, exigindo que o Senado respeite a Constituição”.

A Câmara aprovou o impeachment. E agora?

João Pedro Stedile 20 de Abril de 2016 às 00 Usando a  metáfora do futebol, estamos no início de um longo campeonato no qual acontece a disputa entre duas equipes: uma que defende os interesses da burguesia e outra que está ao lado da classe trabalhadora. Cada um dos times tem vários jogadores atuando. Às vezes, eles batem cabeça, enfrentam contradições… Leia mais A Câmara aprovou o impeachment. E agora?

OAB/RJ vai ao STF para cassar mandato de Jair Bolsonaro

O presidente da OAB/RJ, Felipe Santa Cruz, afirmou nesta terça-feira, dia 19, que a Seccional recorrerá ao Supremo Tribunal Federal (STF) e, se necessário, à Corte Interamericana de Direitos Humanos, na Costa Rica, para pedir a cassação do mandato do deputado federal Jair Bolsonaro (PSC/RJ). Segundo ele, a Ordem entrará também com uma representação no… Leia mais OAB/RJ vai ao STF para cassar mandato de Jair Bolsonaro

Comandante-geral do Exército:1964 foi um erro das Forças Armadas

O comandante-geral do Exército, general Eduardo Villas Bôas, refutou hoje (19) a possibilidade de intervenção das Forças Armadas no país em decorrência da atual crise política. A declaração foi feita em palestra sobre o Dia do Exército, no Centro Universitário de Brasília (UniCeub). Villas Bôas disse que a intervenção militar de 1964 foi um erro… Leia mais Comandante-geral do Exército:1964 foi um erro das Forças Armadas