Estado e salário mínimos. O golpe na renda e nas pessoas

Valorização do piso nacional teve efeitos positivos para toda a economia, mas corre o risco de ser interrompida. Se a política desejada pelo governo Temer valesse desde 1988, mínimo hoje seria R$ 400 por Vitor Nuzzi e Juliana Afonso Temer quer a desvinculação entre o mínimo e os benefícios previdenciários Os trabalhadores no setor canavieiro… Leia mais Estado e salário mínimos. O golpe na renda e nas pessoas